Férias de Verão: como se prevenir do novo coronavírus

Publicado em 6 de janeiro de 2021

Mais um ano se inicia e, junto a ele, as férias de verão. Em um passado não muito distante, essa época era aguardada por muitas pessoas para fazerem suas viagens, curtirem a alta temporada das praias e colocar o bronzeado em dia.  

Porém, a realidade tem sido outra neste início de 2021. Com a COVID-19 ainda presente em nossas vidas, fazendo milhares de vítimas diariamente, a rotina e as expectativas estão um pouco diferentes neste ano.  

A orientação geral dos órgãos de saúde no mundo inteiro tem sido bem clara: ficar em casa, se possível. Mas, caso você tenha uma viagem marcada, existem cuidados essenciais a serem tomados para evitar a contaminação e propagação do novo coronavírus.  

Cuidados para prevenção da COVID-19 nas férias de verão 

Para poder aproveitar as suas férias sem prejudicar sua saúde e de outras pessoas, há tópicos importantes que precisam ser avaliados, desde o planejamento até o retorno da sua folga no verão de 2021.  

Primeiro de tudo, avalie o destino da sua viagem. Segundo estudos sobre a transmissão da COVID-19, ambientes abertos com maior ventilação natural podem diminuir a probabilidade de contágio. Porém, a grande quantidade de pessoas no local, pouco distanciamento e o não uso de máscara podem aumentar as chances de contrair o vírus.  

Atente-se também ao meio de transporte. Evite meios coletivos como aviões e ônibus, pois a ventilação é limitada e qualquer pessoa é um potencial transmissor do novo coronavírus. Por fim, confira em sua hospedagem quais os cuidados estão sendo tomados no local para a segurança e saúde de todos.  

Mesmo em calores intensos é necessário adotar as medidas de segurança para prevenção da COVID-19. 

É verdade que o calor enfraquece o coronavírus? 

As férias de verão são conhecidas pelas altas temperaturas na maioria dos destinos brasileiros. E como outros vírus podem não sobreviver no calor, surgem dúvidas sobre a resistência da COVID-19 a climas mais quentes.  

Segundo infectologistas, o novo coronavírus não sobrevive em temperaturas acima dos 50°C, o que é dificilmente alcançado em ambientes naturais onde há a presença de seres humanos. Sendo assim, mesmo no calor deve-se tomar as mesmas medidas de segurança para prevenção: evitar aglomerações, utilizar álcool em gel para higienização do corpo e manter o distanciamento social mínimo de 2 metros.  

Para preservar a sua saúde e a de outras pessoas, há formas de curtir as férias de verão em casa. 

Se for possível, fique em casa 

A COVID-19 se mostrou perigosa devido à sua letalidade: são mais de 1 milhão de óbitos no mundo inteiro, sendo mais de 190 mil só no Brasil. O isolamento social continua sendo uma das orientações da Organização Mundial de Saúde para evitar a transmissão do vírus (confira nosso artigo sobre a importância da quarentena no combate à COVID-19).  

Além disso, o uso da máscara e do álcool em gel e o distanciamento social nas ruas são fortes aliados neste momento. Respeitando os métodos de segurança, podemos nos manter saudáveis e cuidar de quem amamos.  

Compartilhar

Assine a Newsletter

Fique por dentro dos nossos serviços e receba informações sobre cuidados com a saúde.