O que é saúde ocupacional e qual a sua importância?

Publicado em 4 de novembro de 2020

Toda empresa que quer ter bons resultados deve cuidar da qualidade de vida dos seus colaboradores. Afinal, doenças e acidentes prejudicam muito a produtividade das equipes. Para evitar esses problemas, surgiu a saúde ocupacional. Essa especialidade busca justamente garantir as condições necessárias para trabalhar com bem-estar. 

Apesar de ser mais conhecida pela sua atuação na indústria e nas obras, essa área também é essencial para os escritórios. Apesar do risco de acidentes ser menor no ambiente corporativo, ainda é necessário garantir que os equipamentos sejam adequados, por exemplo. Do contrário, problemas como as lesões por esforço repetitivo (LER) podem surgir. 

Acompanhe a leitura e saiba como a saúde ocupacional beneficia toda a empresa. 

Conheça a atuação da área de saúde ocupacional 

Em resumo, a área de saúde ocupacional ajuda a prevenir doenças que o colaborador poderia desenvolver por causa do seu trabalho. Vale lembrar que isso inclui tanto questões físicas, quanto mentais.  

Os especialistas vão identificar os possíveis riscos de acidente e situações que podem levar ao adoecimento no ambiente de trabalho. Isso pode variar bastante de acordo com o tipo de atividade realizada. Por exemplo, é preciso garantir que os colaboradores não passem tempo demais em pé ou sentados, nem trabalhem sem os equipamentos adequados.  

Atualmente, todas as organizações com trabalhadores contratados em regime CLT devem ter iniciativas de saúde ocupacional. Para guiar as empresas, há um conjunto de normas regulamentadoras que fazem parte da legislação. Atualmente, a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, que substituiu o Ministério do Trabalho e Emprego, fiscaliza essas medidas. 

Trabalhadora estressada em home office.
Legenda: Mesmo no caso do home office, o empregador ainda tem responsabilidades com o seu colaborador. Por exemplo, fornecer os equipamentos adequados.

Entenda a importância da saúde ocupacional para sua empresa 

Quando o assunto é garantir o bem-estar dos colaboradores, os benefícios podem parecer muito subjetivos. Você pode estar imaginando que cada um pode ter a sua maneira de avaliar isso. No entanto, ao manter algumas boas práticas, você não só consegue diferenciar a sua empresa, como também se resguardar. 

Evitar multas e problemas jurídicos 

Condições inadequadas de trabalho podem ser punidas pelos órgãos governamentais. Isso acontece principalmente quando há alguma doença ou ocorre um acidente pela falta de infraestrutura. Por isso, é tão importante ter ações de saúde ocupacional para identificar e reduzir os riscos. 

Outro mecanismo essencial para se resguardar são os exames admissionaisperiódicos e demissionais. Além de garantir que o colaborador tem condições de exercer as suas funções, essa prática também promove um acompanhamento mínimo da saúde daquela pessoa. 

Melhorar o clima da empresa 

Um ambiente saudável, onde as pessoas têm conforto, são muito mais leves e produtivos. Escolhas de iluminação, disposição do mobiliário e até mesmo da temperatura afetam a forma como as equipes exercem suas funções. Além disso, é motivador trabalhar em um local no qual há um cuidado por parte da gestão em proporcionar as melhores condições possíveis. 

Reduzir faltas e rotatividade 

Acidentes e doenças estão ligados de maneira direta aos afastamentos de colaboradores. Da mesma forma, a falta de condições de trabalho adequadas é um fator de peso para uma pessoa ir em busca de novas oportunidades. Assim, as melhorias no ambiente ajudam a evitar tanto os custos com faltas, quanto os de novas contratações.

Quer saber mais sobre boas práticas de saúde ocupacional? Confira nosso post sobre como promover saúde no trabalho

Compartilhar

Assine a Newsletter

Fique por dentro dos nossos serviços e receba informações sobre cuidados com a saúde.